Editora Alaúde Editora Alaúde
Início Empresa Dúvidas Contato
Meu Cadastro Meu Pedidos Meu Carrinho
Buscar em ....
Nome do Produto:
ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL     
AUTOMOBILISMO     
INTERESSE GERAL     
LITERATURA     
INFANTIL     
TODOS OS LIVROS     
AUTORES     
SAÚDE E BEM-ESTAR     
GASTRONOMIA     

Sistema de Detecção de Fraudes



Início / Autores / Oscar Wilde / De profundis 
De profundis  



Bônus: 70 (O que é?)
Descrição | Sobre o autor | Dados técnicos

Descrição

Oscar Wilde já era reconhecido como um dos melhores autores de seu tempo quando foi condenado à prisão, em 1895. A acusação de “indecência grave” remetia à muito discutida homossexualidade de Wilde, considerada crime na época. Enquanto estava encarcerado, o autor escreveu uma carta a Lord Alfred Douglas, com quem mantinha uma relação que foi o estopim para sua prisão. Intitulada De profundis, a carta, amarga, traz uma reflexão a respeito da ética, com a linguagem de um grande escritor, um homem cuja vida não seria mais a mesma após os anos de encarceramento, mas cuja obra permaneceria por séculos como um cânone da literatura.A edição da Tordesilhas tem posfácio de Munira H. Mutran, professora da Universidade de São Paulo (USP) e fundadora da Associação Brasileira de Estudos Irlandeses(ABEI). Munira é amplamente reconhecida por sua contribuição ao estudo da literatura irlandesa.

 
Sobre o autor

Oscar Wilde nasceu em 1854, em Dublin, Irlanda. Filho de um médico e de uma poetisa, foi um aluno brilhante, de excelência acadêmica. Morava em Londres quando publicou seu primeiro livro, Poems, em 1881, estabelecendo-se como um escritor em ascenção. Após a faculdade, começou a se encontrar com escritores renomados, como Walt Whitman, e a proferir palestras, nas quais propunha que, na arte, a estética deveria se sobrepor a ideologias sociais ou políticas. Em 1884 casou-se com uma rica inglesa chamada Clarence Lloyd, com quem teve dois filhos. Foi editor de uma revista feminina e continuou a escrever, publicando poemas, peças, romances e ensaios. Entre suas obras ilustres estão o romance O retrato de Dorian Gray e a peça A importância de ser prudente. Wilde foi preso foi “indecência grave” após um envolvimento homossexual, e o encarceramento consumiu sua saúde. Já liberto, morreu de meningite em 1900, na França.
 
Dados técnicos

ISBN: 978-85-8419-007-2
Formato: 13,7 x 20 cm - p&b, brochura com orelhas
Páginas: 208
Preço de capa:  32,50

 



Política de privacidade    |     Segurança    |     Dúvidas    |     Contato
Avenida Paulista, 1337, Conjunto 11 – Bela Vista - 01311-200 - São Paulo - SP
Telefone: (11) 5572-9474
© Alaúde Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.